#EmCartaz!

Olha a gente aqui com mais um post do #EmCartaz! Gostamos e estamos pensando em fazer sempre, o que acham? Então, vamos para algumas estreais da semana?

suicide-cast

O primeiro da lista é o tão criticado Esquadrão Suicida. O filme dirigido por David Ayer, entra em cartaz hoje (4) e já traz muito movimento para o meio da sétima arte. Tem gente criticando de um lado e gente gostando de outro. Para saber o que a liga com os maiores vilões dos quadrinhos – da DC – aprontou, só é correr para o cinema mais próximo e conferir a produção, pois temos certeza que salas é o que não faltará.

 

 

Fome

Jean-Claude Bernardet em cena no mais novo filme de Cristiano Burlan. Foto:  Divulgação.
Jean-Claude Bernardet em cena no mais novo filme de Cristiano Burlan. Foto: Divulgação.

O segundo e o mais esperado dos críticos e dos amantes do cinema é o filme Fome, de Cristiano Burlan. O brasileiro contou em uma produção em PB (preta e branca) a história de um morador de rua (Jean-Claude Bernardet) que é entrevistado por uma jovem estudante de jornalismo durante um projeto da faculdade. A ideia principal do filme é mostrar os elementos invisíveis da cidade de São Paulo. Elementos invisíveis e ao mesmo tempo realistas. O filme está em cartaz em algumas cidades do país: São Paulo, Rio de Janeiro, Santos, Brasília, Salvador, Porto Alegre, João Pessoa, Florianópolis e Curitiba.

Um Amor à Altura

COPYRIGHT2016-vvz-production---gaumont---m6-films-ressources_2016-02-29_12-07-08_UnHommeALaHauteur_photogramme44_

A terceira indicação é o filme Um Amor à Altura, de Laurent Tirard traz a história de Diane (Virginie Efira) e Alexandre (Jean Dujardin – vencedor do Oscar de melhor ator pelo filme O Artista) são duas pessoas que se encontram por acaso depois do arquiteto achar o telefone perdido da advogada recém-separada. Depois do encontro, a vida dos dois toma um rumo um pouco diferente. Uma comédia-romântica para trazer um pouco de leveza para o fim de semana.

Gostou do meu post? Então compartilha!

Carol Cruz

Uma pessoa completamente apaixonada pela cultura (por todo tipo de cultura), uma produtora vidrada pelo mundo do teatro, principalmente dos musicais. Viciada em uma adrenalina de uma produção, seja ela em um ao vivo ou em um evento. Fofurices me encantam mas Caetano também. Escreve culturalmente através deste blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *