#Assista! A nova temporada do programa Casa Brasileira vem com natureza, pureza e conhecimento

O diretor Alberto Renault em uma das casas visitadas. Uma das fazendas do apresentadas no primeiro episódio. Foto: Divulgação/Globosat
O diretor Alberto Renault em uma das casas visitadas. Uma das fazendas do apresentadas no primeiro episódio. Foto: Divulgação/Globosat

Se tem um programa que eu já gostava no GNT, esse programa era o Casa Brasileira. Agora, na nova temporada ele vem com outra vertente mais específica: Casa Brasileira Fazendas. Depois de passar pela praia, e por outros espaços, ele mais uma vez objetiva o assunto. Nesta nova temporada que estreou hoje (28), as casas mostradas serão todas fazendas. Todas ficam no meio do campo, da natureza, do ar puro, longe da cidade grande.

Para quem não sabe nada sobre o programa, Casa Brasileira é uma produção do GNT – que vale ressaltar, tem uma equipe de produção incrível para achar todas esses lugares – onde mostra algumas casas com grande destaque pelo país, com uma história por trás e com uma arquitetura significativa.

Aí você me pergunta: sim, pra quê eu vou assistir se eu nem arquiteto sou? (caso você não seja, obviamente. Para arquiteto/designer este programa é uma aula). Aí eu te respondo: eu também não sou arquiteta mas me inspiro bastante em lugares e locais.

Assistir ao programa acaba me inspirando – não sei como – e acaba fazendo eu sonhar mais em explorar esse mundão à fora. E me dá uma sensação de um pouco mais de conhecimento. Mas hoje quando assisti esta nova temporada, ‘Fazendas’, senti não só inspiração, senti uma leveza maravilhosa. Uma leveza e uma enorme vontade de buscar esses locais cheios de ar puro, longe da cidade grande que tanto estressa. Talvez seja porque hoje é domingo e amanhã já voltamos à labuta na cidade grande, no meio da confusão do dia a dia.

Ah! Mas ao ver o programa você também conhece muitas histórias interessantes, de pessoas que tem algo à contar com aquela arquitetura. Seja essa pessoa o arquiteto ou o próprio morador da casa.Você passa a entender porque aquele espaço se tornou daquele jeito. Amei saber um pouco mais sobre o Ronaldo Fraga e a história que o estilista tem com Minas Gerias e sua casa/fazenda, seu espaço de criação e de paz.

 

Como o próprio canal descreve em seu site: “Casa Brasileira” é uma série documental sobre o jeito brasileiro de morar na visão dos mais importantes arquitetos e designers do país. (…) é um passeio pelos hábitos, tradições e particularidades da arquitetura e do design do país.

A série é dirigida por Alberto Renault e roteiro assinado pela Baba Vacaro.

Os horários de exibição: todo domingo às 22h e com reprises nas segundas, às 11h30, quintas às 5h30, 18h e 23h30, nos sábados, às 7h30, e nos domingos às 16h.

Ou seja, #FicaaDica! Um pouco mais de cultura brasileira regional e leveza de uma vida mais pura não faz mal.

Gostou do meu post? Então compartilha!

Carol Cruz

Uma pessoa completamente apaixonada pela cultura (por todo tipo de cultura), uma produtora vidrada pelo mundo do teatro, principalmente dos musicais. Viciada em uma adrenalina de uma produção, seja ela em um ao vivo ou em um evento. Fofurices me encantam mas Caetano também. Escreve culturalmente através deste blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *