Ciclo de Leituras na Casa do Saber tem sua última edição esgotada!

mariafernanda_leituras-teatrais6-415x415

Captura de Tela 2015-11-24 às 23.01.10
Foto Reprodução: Instagram.com/mariafernandacandidooficial

Os encontros do Ciclo de Leituras na Casa do Saber que teve seu início em Agosto chega à sua última edição no próximo dia 28. Esse encontro idealizado por Maria Fernanda Cândido tem como finalidade reunir atores para fazer a leitura de grandes textos de espetáculos montados por grandes diretores.

Maria Fernanda, que além de responsável pelo evento é uma das sócias do local, traz a cada encontro diferentes tipos de interpretações, linguagens, e visões de cada diretor estudado. Os encontros tiveram as inscrições gratuitas e inclusive as do próximo encontro já estão esgotadas. O texto a ser estudado será o ” Trótski no Exílio de Peter Weiss e o diretor convidado o Oswaldo Mendes.

Sobre Oswaldo: Ator e diretor, formado pela Escola de Arte Dramática da USP. Por duas décadas, dividiu-se entre o palco e as redações dos jornais Última Hora e Folha de S. Paulo e da revista Visão, sendo secretário da diretoria que criou a APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte, em 1972, a partir da Associação Paulista de Críticos de Teatro. Escreveu os livros Bendito Maldito – Uma biografia de Plínio Marcos (2009, Editora Leya), Teatro & Circunstância (2005, Editora Núcleo), reunindo três de suas peças, e Ademar Guerra – O teatro de um homem só (1997, Editora Senac). A partir de 2001 passou a integrar o núcleo Arte Ciência no Palco, onde atuou em “Copenhagen” de Michael Frayn (2001), direção de Marco Antonio Rodrigues, “Perdida”, uma comédia quântica de José Sanchis Sinisterra (2002), direção de Marco Antonio Braz, “Quebrando Códigos” de Hugh Whitemore (2003), direção de Roberto Vignati, “E agora, Sr. Feynman?” de Peter Parnell (2004), direção de Sylvio Zilber, “A Dança do Universo” de sua autoria (2005), direção de Soledad Yungue, “Oxigênio” de Carl Djerassi e Roald Hoffman (2006), direção de Sylvio Zilber, e “After Darwin” de Timberlake Wertenbaker (2007), direção de Rachel Araújo (Fuser). Em 2008 fez a orientação dramatúrgica de “A Culpa é da Ciência”, espetáculo criado para comemorar os dez anos do Arte Ciência no Palco.

Quem não se inscreveu perdeu a chance de conferir esse: Elenco:

  • Ailton Graça (ator) – Parvus
  • Alípío Freire (jornalista) – Kamenev
  • André Falcão (ator) – Médico
  • Antonio Fagundes (ator) – Trotski
  • Antonio Marcus (jornalista/radialista) – Narrador
  • Antonio Petrin (ator) – Deutsch
  • Bárbara Abramo (jornalista) – Safonova
  • Carlos Meceni (ator) – Shiliapnikov
  • Carlos Palma (ator) – Promotor
  • Cida Moreira (cantora e atriz) – Emmy Hemmings
  • Danilo Santos de Miranda (sociólogo / diretor regional do Sesc) – Martov
  • Eduardo Tolentino (diretor de teatro) – Diego Rivera
  • Florestan Fernandes Jr (jornalista) – Prisioneiro / Anônimo
  • Graça Berman (atriz) – Alexandra Kollontai
  • Haroldo Ferrari (ator) – Blumkin
  • Ivo Müller (ator) – Frank Jacson
  • Jairo Mattos (ator) – Josef Stalin
  • Jefferson Del Rios (jornalista / crítico de teatro) – Rakovski
  • Jhe Oliveira (ator) – Leon (Liova) Sedov
  • José Álvaro Moisés (cientista político) – André Breton
  • Kil Abreu (crítico de teatro/curador Centro Cultural São Paulo) – Estudante
  • Lauro César Muniz (dramaturgo) – Plekhanov
  • Lígia Cortez (atriz) – Sokolovskaya
  • Luiz Amorim (ator) – Coronel Salazar
  • Márcio Boaro (ator) – Oficial 1/ Soldado 1
  • Marco Antonio Rodrigues (diretor de teatro) – Dzerzhinski
  • Maria Fernanda Cândido (atriz) – Estudante
  • Miguel Langone Jr (ator / advogado) – Oficial 2
  • Mika Lins (atriz) – Zinaida
  • Mônica Bérgamo (jornalista) – Inessa Armand
  • Ninho Moraes (jornalista / professor da Cásper Líberto) – Bukharin
  • Oswaldo Mendes (ator) – Lenin
  • Otavio Frias Filho (dramaturgo/jornalista) – Tristan Tzara
  • Paulo Markun (jornalista / escritor) – Joseph Hansen
  • Pedro Venceslau (jornalista) – Estudante
  • Ricardo Dantas (ator) – Zinoviev/ Soldado
  • Rodolpho Gamberini (jornalista) – Piatakov
  • Roberto Ascar (advogado/ator) – Akimov
  • Rubens Velloso (diretor de teatro) – Hugo Ball
  • Rudifran A. Pompeu (ator/presidente da Cooperativa de Teatro) – Padre Gapon
  • Selma Luchesi (atriz) – Natália
  • Silvia Camossa (atriz/escritora) – coringa
  • Tadeu Souza (ator/músico, representante da Funarte-SP) – Prisioneiro e Anônimo
  • Tin Urbinatti (ator) – Smirnov
  • Tuna Dwek (atriz) – Estudante
  • Ugo Giorgetti (cineasta) – Mrachkovski
  • Vera Kowalska (atriz) – Anna Blume
  • Vladimir Sacchetta (jornalista/produtor cultural) – Prisioneiro
  • Walter Breda (ator) – Radek
  • Wanderley Costa Lima (advogado/ professor de Direito) – Arkadi Kremer
  • Guilherme Peres – sonoplastia e produção

Serviço

Quando? 28 de novembro

Onde? Casa do Saber – Rua Dr. Mario Ferraz, 414 – Itaim – São Paulo

Horário? 12h às 14h

Ingressos? Esgotados

Mais infos

Gostou do meu post? Então compartilha!

Carol Cruz

Uma pessoa completamente apaixonada pela cultura (por todo tipo de cultura), uma produtora vidrada pelo mundo do teatro, principalmente dos musicais. Viciada em uma adrenalina de uma produção, seja ela em um ao vivo ou em um evento. Fofurices me encantam mas Caetano também. Escreve culturalmente através deste blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *